25
Dom., Jul.
4 Artigos Novos

© ilovehz / Freepik

Incêndios

A Polícia Judiciária comunicou a detenção de um suspeito de 57 anos, pela presumível prática do crime de incêndio florestal, ocorrido a 13 de julho, numa freguesia do concelho de Figueiró dos Vinhos. Na operação colaborou a GNR de Figueiró dos Vinhos.

O suspeito terá ateado um incêndio na floresta, com uso de chama direta, numa “zona povoada com mato e eucaliptos, com continuidade vertical e horizontal, confinante com a zona urbana, com várias aldeias em redor, com uma área ardida de cerca de 500m2, que teria proporções mais gravosas caso não tivesse havido uma rápida intervenção dos meios de combate – bombeiros e meios aéreos”, refere a Polícia Judiciária.

O detido foi presente a primeiro interrogatório judicial, aguardando o seguimento do processo em prisão preventiva.