10
Qua., Ago.
7 Artigos Novos

© L'Oréal

Sustentabilidade

A marca Garnier comunicou os resultados do relatório anual One Green Step, que revelou as diferenças geográficas e geracionais de mais de 29 000 pessoas, em 9 países, face ao Meio Ambiente.

Os dados indicam que cerca de 83% das pessoas pretende ser mais sustentável, mas apenas 5% considera estar efetivamente a praticar um estilo de vida mais ecológico, pelo que apenas 30% diz estar preparada para mudar os seus hábitos em função do Planeta, no imediato. Como barreiras que impedem um perfil mais sustentável, destacam-se: a falta de escolha, a falta de informação e questões financeiras.

Uma grande maioria dos adultos afirma querer viver de forma mais sustentável no ano que acaba de começar - 83% em comparação com 81%, referente ao ano de 2021. Em destaque estão os EUA e a Alemanha onde quase 9 dos 10 adultos participantes (88%) afirmou que o ano passado os sensibilizou para a adoção de comportamentos mais ecológicos.

Comparativamente com o período homólogo de 2021, o relatório aponta uma escala de mudança contínua rumo a escolhas mais sustentáveis em 2022. Os principais motivos incluem uma maior consciência dos riscos iminentes ligados às mudanças climáticas (40% no geral, observando-se uma subida para 54% na Indonésia e uma descida para 33% nos EUA), e o interesse em saber mais sobre o tema, demonstrado em 2021 (37%).

A família é outro dos motivos. Quase 1 em 3 adultos participantes no estudo (30%) afirma que quer ser mais sustentável para proteger o futuro dos filhos, subindo para 35% no Brasil. Numa pergunta semelhante feita há 12 meses, apenas 16% dos participantes disseram que ter filhos significava estarem cientes de que tinham de agir.

Durante o ano de 2021, alguns adultos deram passos em função da adoção de um estilo de vida mais sustentável, aumentando a reciclagem (61%) e reduzindo a duração dos duches (42%).

A vontade de diminuir o consumo de plástico também surge no topo das prioridades da maioria dos participantes neste estudo, sendo que, à semelhança de 2021, também 67% das pessoas se comprometeram a reduzir o uso de plástico. De qualquer modo, apenas 5% considera já estar a agir de forma sustentável. No entanto, mais de 1 em 8 pessoas afirmou ter tido dificuldades em fazer escolhas ecofriendly no ano passado, e apenas 30% diz estar preparado para tomar medidas pelo Planeta neste momento.

Em consequência dos resultados, a marca irá expandir a iniciativa Green Beauty, com o lançamento da campanha One Green Step. Pretende assim encorajar o público a partilhar uma ação sustentável nas redes sociais, com o objetivo de tornar a iniciativa viral em prol do ambiente. Por cada partilha feita, a Garnier fará uma doação adicional à parceira Plastics for Change de até dois milhões de garrafas de plástico para reciclagem.

O estudo foi conduzido pela Opinion Matters em Novembro/Dezembro para a Garnier, com a participação de 29,669 inquiridos provenientes dos EUA, Reino Unido, Espanha, Alemanha, Emirados Árabes Unidos, Brasil, Índia & Indonésia